Buscar

Infância

O tilintar das chinelas tocando o chão

A poeira que voa com o vento embotando a vista

O cheiro de bolo advindo da cozinha

Aquele pé de Abacate na varanda, palco de inúmeras peripécias na infância

A boa saudade

A correria nos corredores

O jogo de bola na garagem

O banheiro esquisito que só tinha um buraco sem fundo

A curiosidade aguçada de moleques em desbravar aquele mundo

A boa saudade

Os adultos que se dividiam entre a briga e a inveja da molecada

O tempo que parecia não passar entre as brincadeiras

A ausência de doenças violentas para trancar todos em suas casas

Os risos dos que começam misturados com aqueles que estão no meio do caminho

A boa saudade

Os aprendizados que ficam

O tempo que passa

As crianças que crescem e têm outras crianças

Os ciclos que se renovam

As novas histórias que se escrevem na roda da vida


Miguel Barros

Instagram: @bmiguelpereira

Posts recentes

Ver tudo

Toque - sobre o quinto sentido humano

Estendo a minha mão para alcançar a sua meus dedos procuram dos seus o enlaço deslizo pela palma até fincar com delicadeza o toque sutil que contorna a parte que me cedera ao carinho inesperado Sara C

Crença

Haverá um tempo em que o preto Será apenas uma cor. Não hoje, não agora Quando folhas negras murcham o coração E flores negras retesam-se ao toque Sem florir. Haverá um tempo em que o preto Não será l

Carta ao livro de bolso

Adolescido tomo lanterna dos afogados paraninfo da literatura rancho da tropa, democrática classe econômica talismã, lítero muiraquitã iniciático sustentáculo dos sebos, colecionário de ceitils, centa