Buscar

Presságios

E cada vez mais a gente se aproxima e ao mesmo tempo, tem de lidar com a distância.

Mas como?

Se fomos ensinados a conviver, juntar, manter a aproximação, tudo pelo movimento cíclico das relações humanas.

Contradito, não?

Se pararmos pra pensar, hoje e sempre, esse movimento não tinha direção constante, sem

Ilusões, todos os elos eram rompidos por algum fato, seja ele novo ou atípico...

Coisas da vida, meu caro!

Coisas que a ciência explica, a filosofia direciona, os plantões dos noticiários julgam, as redes transformam em teias e assim vai... Esvaindo-se!

Pra onde? Qual o destino?

Ah, meu caro, desse presságio nem quero saber!

Só te digo que, de tudo isso, a humanidade vai ter de içar!

Avante, meu caro!


Bianca Morais



Posts recentes

Ver tudo

Entre nós e maresia

Éramos 12. Perambulantes. Numa mistura que nos dava coesão. Andávamos como só naquela época podíamos, despreocupados e com todo o tempo a nosso dispor. Adolescentes, jovens, amigos. Éramos um. Grupo s

Desencontro Virtual

Já não quero receber teu abraço Meu corpo ressente Este corpo que recentemente é só meu Não há toque virtual As vezes evito teu olhar Ele me assusta e me desafia Acho que me desestabiliza E fecho a câ

Morre o sol e nasce a lua

O Sol sabe se retirar, Após brilhar um dia inteiro. Sabe a hora exata de recolher o brilho, E nunca é passageiro. Ele volta no dia seguinte, Ainda que as nuvens venham fortes, Ele nunca sucumbe, Ainda

© Copyright