Buscar

Presságios

E cada vez mais a gente se aproxima e ao mesmo tempo, tem de lidar com a distância.

Mas como?

Se fomos ensinados a conviver, juntar, manter a aproximação, tudo pelo movimento cíclico das relações humanas.

Contradito, não?

Se pararmos pra pensar, hoje e sempre, esse movimento não tinha direção constante, sem

Ilusões, todos os elos eram rompidos por algum fato, seja ele novo ou atípico...

Coisas da vida, meu caro!

Coisas que a ciência explica, a filosofia direciona, os plantões dos noticiários julgam, as redes transformam em teias e assim vai... Esvaindo-se!

Pra onde? Qual o destino?

Ah, meu caro, desse presságio nem quero saber!

Só te digo que, de tudo isso, a humanidade vai ter de içar!

Avante, meu caro!


Bianca Morais



Posts recentes

Ver tudo

Devolvo à natureza um sorriso tímido

Devolvo à natureza um sorriso tímido A cada manhã que acordo, mesmo que barulhenta << Às vezes, preferivelmente barulhenta>> Por sentir-me parte de algo maior, Por respirar tão fundo, calmamente enche

Maracaninha Encantada

Na beira da praia apresento minhas penas. Elas são verdes, Da cor dos olhos do mar. Me encantei no sereno das ondas. Nasci Maracaninha... Do sonho de menina e de ostras pequenas. Sou pássaro e ostra.

Meninas Voadoiras

Chão-limite Pra elas pousarem Depois de voarem Por cima das casas e medos Avançando por Nuvens imaginárias De algodão e lágrimas Derramadas sobre a terra Emergindo o aroma Doce-fruta de mata. Meninas