Buscar

Tem pós (Yuri Nunes)

O tempo que dura, o tempo que cura,

O tempo que não espera, acelera,

É o mesmo tempo para todos.

Para mim, para ela.

Para vidas paralelas.

O tempo não muda de domingo pra segunda.

Mas ele sempre nos apresenta

Novas formas de enfrentar nossas batalhas

E sempre nos ensina a corrigir nossas falhas.

Estejamos acompanhados ou sozinhos

O tempo parece conhecer e nos mostrar novos caminhos.

Posts recentes

Ver tudo

Touch

No instante tardio, entre laços frágeis, tênues, corrompidos, buscamos, sobretudo, aquilo que nos transpassa, ainda que para isso restem apenas lamentos. E embora cansados e vencidos, suspiraremos ext

A vírgula (Aline Bischoff)

Tão pequena E tão importante. Precede grandes desfechos. Possibilita recomeços. Faz separação. Muda a significação. Uma pausa. Uma respiração. Uma delimitação. Um sinal de pontuação.