Mundo Qualquer

Tenho achado que já não sou firme o

bastante pra amolecer se quiser

Para rabiscar num papel e ir-me às

linhas e achar-me em um mundo qualquer


Tenho notado que já sei demais

e não sei mais esquecer se quiser

Quando tento escrever um mundo a mais

fico preso neste mundo qualquer


Pedro Guerra Demingos (Colaborador Oficial Escrita Cafeína)

Instagram: @pgdemingos

Posts recentes

Ver tudo

Onde vais pelas trevas impuras, cavaleiro das armas escuras (...) Cavaleiro, que és? – que mistério Que te força da morte no império Pela noite assombrada a vagar? Álvares de Azevedo Por que é que voc

Lucas e Adalberto escreveram sua carta ao Papai Noel juntos. Empolgados, eles conversaram sobre o que fariam quando recebessem seus brinquedos. Lucas pediu uma bola e Adalberto um carrinho de madeira.

Dentro de mim cadeado, Porta aberta, cárcere privado, Ventre ancestral do tempo, Dentro de mim, muralha, Que a palavra não apaga Chica da Silva, Marielle, Anita, Dandara, Pagu, Maria Quitéria, Maria B

Deixe seu comentário: