Buscar

Pegadas

Ouço sons

Pegadas, uníssonas, contínuas

Às vezes aceleradas, às vezes lentas

Ainda assim contínuas

Ouço vozes

A se embaralhar no burburinho da sala

A se estremecer de preocupação

Ao… falar num ato contínuo

Ouço o tempo

Suspirar, eleger, cochichar

Murmúrios de mudanças

Ritos de passagem

Ouço o som da vida a se reciclar

O ritmo da morte a calar

E o som cíclico do mundo que não para

Para ouvir a si mesmo

Ouço como tantas vezes já ouvi

Para tentar ouvir o que ouvi antes

E perceber nos murmúrios as pegadas

De todos os andantes

Sussurros, gritos, lágrimas

Dentre tantas outras reações

Disfarçadas entre pegadas nas multidões

Apenas ouço…



Por Miguel Barros

Posts recentes

Ver tudo

O bêbado no cais

Em cada despertar um olhar estático em direção ao horizonte Morre o velho nasce o novo e dispôs-se a recordar Infante, clemente, nem tanto incandescente a vela acesa no altar Foge de mim esperança ao

Rota para a luz

Rota para a luz, A tua ténue paixão, Rosto que me seduz, Quando me dás a tua mão. O meu acreditar conduz, Todo os meus desejos e coração. Nem o passar do tempo reduz, Esse sentimento de emoção. O amor

Lua de marfim

Te contemplo no céu, Te admiro por sob o mar, Deixo guiar-me pelo seu véu, Misterioso clarão do Luar! Oh! Lua de marfim! Tem pena! Tem pena de mim! És minha saga, Beijo o chão, Por onde vaga O teu cla